INFORMAÇÃO PARA EXAME

ACIDO OXALICO OXALATO, DOSAGEM NA URINA 24 HORAS

Em condições normais, o oxalato urinário (ácido oxálico) é derivado da dieta, do metabolismo do ácido ascórbico e da glicina. A administração de doses elevadas de ácido ascórbico (vitamina C) pode causar elevação nos níveis urinários de oxalato. Na hiperoxalúria primária, os valores esta geralmente entre 100 e 600 mg/24h. A hiperoxalúria secundária é devida a doenças inflamatórias intestinais, enterocolite, redução do intestino delgado etc. Nestes casos, em geral a excreção é entre 60 e 100 mg/24h. O teste é útil na avaliação do paciente com nefrolitíase. Hiperoxalúria primária e secundária podem ser causas de formação de cálculos urinários. Níveis elevados são encontrados na intoxicação por polietilenoglicol e ingestão insuficiente de cálcio

Unidade Biolabor para realizar esse exame:

Sorocaba - Campolim, Sorocaba - Penha, Sorocaba - Vergueiro, Votorantim, Sorocaba - Zona Norte, Sorocaba - Zona Oeste, Sorocaba - Éden, Salto de Pirapora, Itu, Piedade

Preparação para o exame:



Instruções de preparo

Dieta: Evitar limão, abacaxi, morango, gelatina, acerola, laranja, espinafre, tomate, leite e derivados. (OXALA)

Jejum: Evitar qualquer alimento ou medicamento que contenha Vitamina C 48 horas antes e durante a coleta.

Outros: Não realizar esforço físico durante a coleta.

OUTROS EXAMES

Selecione a primeira letra do exame abaixo ou utilize o campo para digitar o exame que procura