Deseja selecionar mais exames?
SIM NÃO

ANTICORPOS ANTI BORRELIA BURGDORFERI IGG - LYME

Informações


A Doenca de Lyme e uma zoonose endemica na America do Norte, Europa e Asia causada por agentes coletivamente denominados de Borrelia burgdorferi (lato sensu), que inclui a B. burgdorferi (stricto sensu), B. garinii, B afzelii e, provavelmente, B. valaisiana. A Borreliose Lyme-Simile registrada no Brasil ainda nao possui seu agente definitivamente caracterizado. Este teste e um imunoensaio enzimatico (EIA) confeccionado para deteccao de anticorpos para B. burgdorferi (lato sensu). A resposta imunologica a doenca e habitualmente lenta e a antibioticoterapia precoce pode impedir a soroconversao. Em areas endemicas, a presenca do Eritema Migrans ou outras apresentacoes precoces permite o diagnostico exclusivamente clinico ou confirmado apenas pelo EIA. Em areas nao endemicas, o estudo sorologico sequenciado pelo EIA e o Western Blot (WB) eh sempre necessario. Com a resolucao da infeccao, 10% dos individuos podem apresentar IgM ou IgG residuais por longos periodos, nao permitindo o diagnostico exclusivamente sorologico de infeccao ativa. A ausencia de anticorpos especificos constitui forte evidencia contra a forma cronica da doenca, embora nao exclua sua possibilidade. Cerca de 5% da populacao de areas endemicas possui sorologia positiva para a doenca, sem historico para a mesma. O EIA IgM eh menos especifico que o IgG mas a positividade para qualquer deles indica a confirmacao pelo WB. Alguns estudos mostram reatividade cruzada entre B. burgdorferi e o agente da Lyme-Simile brasileira. No entanto, a principal Lyme-like norte- americana (STARI), apresenta resultados habitualmente indeterminados ou reatores fracos no EIA, sem a positividade do conjunto de bandas definidoras para a Lyme classica, no WB.

Preparo

- Jejum obrigatorio de 8 horas.
- Intervalo entre mamadas para lactentes.


Biolabor 2017 - Todos os direitos reservados